Sesc Catanduva dedica programação musical ao rock em julho

Compartilhe:

No mês em que é comemorado o dia do rock, Sesc  propõe programação Outros Rocks com 5 shows

No mês do Rock, o Sesc Catanduva apresenta cinco shows que trazem várias vertentes do rock: a programação passeia pelo hardcore do DeadFish ao rock clássico da MotoCircus. Passa também pela entrega no palco e introspecção nas letras do show de Jair Naves (ex-Ludovic) e pelos improvisos incômodos da Banda Corte, até o punk com pitadas de dodecafonia da consagrada Patife Band.

O primeiro desses shows é com a banda capixaba Dead Fish, que vai direto ao ponto nas letras diretas nesse nono álbum – Ponto Cego. As letras são complementadas por um som pesado e clássico hardcore. Mas, este disco também apresenta melodias mais calmas e o protagonismo da voz. Ponto Cego tem um tom explicitamente político e rebelde, de crítica social e revolta com a situação do país. O Dead Fish surgiu em 1991, em Vitória (ES), e atualmente é um trio formado por Rodrigo Lima (voz), Marcão Melloni (bateria) e Ric Mastria (guitarra). O show abre a programação, intitulada Outros Rocks, na quinta, dia 4, às 20h15, no Quiosque. Para todos os shows, a entrada é grátis. É preciso apenas retirar ingresso na Central de Atendimento. 

Banda Motocircus

No feriado, dia 9, terça, em outro horário, às 16h, quem mostra seu rock é a banda Motocircus que apresenta “The Greatest Show On Earth”, seu último disco, gravado em 2019. O álbum conta com oito faixas autorais em inglês, além de uma releitura de Don’t Set Me Free, de Ray Charles.

Jair Naves


Dois dias depois, na quinta, dia 11, e, de volta ao horário noturno, às 20h15, é a vez de Jair Naves, ex-líder do Ludovic, cultuado nome da cena alternativa nacional apresentar seu rock em Catanduva. Jair soma mais de uma década de estrada. O debute solo veio em 2010: o elogiado EP Araguari é inspirado no trágico caso dos irmãos Naves. Em “Rente”, novo álbum de estúdio, o músico explora questões existenciais com um rock and roll à sua maneira, explorando a voz rasgada e o peso das guitarras.

Alzira e a Banda Corte

No dia 18, quinta, Alzira E. e a banda Corte mostram seu disco de estreia, uma obra perturbadora e ruidosa, que investe na improvisação como forma de perturbar as convenções sonoras estabelecidas. Também às 20h15.

Patife Band

Para fechar a programação Outros Rocks, no dia 25, às 20h15, quem chega é a lendária Patife Band, liderada por Paulo Barnabé que, com apenas um EP e um disco lançados nos anos 1980, inscreveu seu nome na história do Rock and Roll com sua fórmula traduzida numa mistura de punk rock, rebeldia e atonalismo.

Para julho o Sesc Catanduva faz um convite: Let’s Rock?

Compartilhe:

Post Author: blogdasonia