FPA promove 3º encontro de profissionais da Saúde

Compartilhe:

O Centro Integrado de Humanização e o Núcleo Interno de Regulação dos hospitais da Fundação Padre Albino, em parceria com o Núcleo Técnico de Humanização da Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo e a Diretoria Regional de Saúde – DRS XV de São José do Rio Preto, realizaram o 3º Encontro de profissionais da saúde da região de Catanduva SP, no dia 11 de novembro, com o objetivo de fomentar a transição do cuidado no território. 

 

Oportunamente, no Dia Mundial da Qualidade, diferentes pontos da Rede de Saúde foram reunidos para tratar sobre a alta responsável do paciente. O evento abordou a COVID-19 e as demandas da doença nos diferentes períodos da pandemia. A Diretora de Saúde e Assistência Social da Fundação Padre Albino, Renata Rocha Bugatti, abriu os trabalhos ressaltando a importância do esforço conjunto para o fortalecimento de todos e, principalmente, o benefício do usuário que é quem utiliza a Rede.  

O encontro contou com a participação do coordenador do Núcleo Técnico de Humanização da Secretaria do Estado de SP, Vanderlei Camargo Freitas; da apoiadora do Núcleo Técnico de Humanização da Secretaria do Estado de SP, Elânia Maria Ferreira e Ferreira, e da articuladora de Humanização do DRS XV, Lucinéia Lacerda de Oliveira Santos, além das articuladoras da Atenção Básica dos municípios e hospitais da região e AME Catanduva.  

Durante a programação do encontro, os participantes acompanharam a médica especialista em Medicina Intensiva e responsável pela UTI COVID do Hospital Emílio Carlos (HEC), Dra. Jéssica Cangussu Fonseca, que abordou os desafios e cuidados ao pacientes pós COVID-19; a coordenadora de Enfermagem do HEC, Ana Laura Ribeiro Flores, que relatou a vivência de paciente que venceu a doença; a coordenadora do Núcleo Interno de Regulação de Ofertas e Serviços de Saúde da Fundação Padre Albino, enfermeira Vanesa Holanda Gila, que debateu sobre a importância da articulação da Rede de Atenção à Saúde para a transição assertiva e segura do cuidado; além de relatos de experiências dos profissionais de Catanduva, Itajobi e Novo Horizonte; e roda de conversa com propostas de ações para o fortalecimento do trabalho em rede na região.   

Foto: FPA
 
Compartilhe:

Post Author: Sonia