Estão abertas as inscrições para o FrESTA – Jornada Literária Apocalíptica

Compartilhe:

Festival literário acontece online e tem realização da Cia. Apocalíptica, que divulgará o resultado dos selecionados no dia 14 de março

Com o intuito de fomentar e propagar a literatura no Noroeste Paulista, a Cia. Apocalíptica anuncia hoje, dia 3, a abertura das inscrições do FrESTA – Jornada Literária Apocalíptica, que acontece no formato online com recursos da Lei Aldir Blanc, edital 06/2020.

                O festival será realizado de 17 a 21 de abril, e em sua primeira edição, contará com cerca de 50 horas de programação cultural gratuita, promovendo uma verdadeira troca de informações e conhecimento.  O público terá acesso através do site da Cia. Apocalíptica (www.ciaapocaliptica.com/) e as mídias digitais YouTube, Facebook e Instagram (@cia.apocaliptica).

Os artistas e coletivos de São José do Rio Preto interessados em participar podem inscrever seus projetos e atividades até o dia 10 de março pelo site www.ciaapocaliptica.com/fresta. Os trabalhos serão remunerados e os cachês variam conforme a modalidade, podendo chegar até R$ 1.200,00.

“Um festival literário nesse contexto  que estamos vivendo vem nos trazer perguntas reveladoras. Como contaremos nossa história? Quais palavras alimentam o nosso olhar sobre o mundo? O que nos faz pertencer? Ler é um exercício de ampliar sentidos e hoje precisamos muito de novas escolhas e perguntas que nos levem a perceber as frestas. A possibilidade de encontrar novas narrativas abrir escuta a outras vozes”, diz Kiara Terra, contadora de história e diretora artística do FrESTA.

                Na inscrição, o Festival conta com dez modalidades diferentes:

–              Atividades Formativas: Workshops, oficinas, mini cursos, debates, palestras e afins realizados em formato de “reunião online” e posteriormente disponibilizado na plataforma do festival;

–              Contação de Histórias: Apresentações de uma ou mais histórias, autorais ou não, gravadas ou ao vivo com duração de pelo menos 30 min;

–              Literatura que Ecoa: Apresentações de espetáculos/projetos que não necessariamente são literários, mas que dialoguem com a literatura, podendo ser gravados ou ao vivo, de preferência com duração entre 50min e 120min;

–              Lançamentos: Lançamentos de livros digitais e/ou físicos dentro das plataformas do festival;

–              Inventário de Oralidades: Conversas com mestres e mestras da cultura popular sobre suas transmissões de conhecimento através da oralidade;

–              Vídeo Poemas / Audiolivros: Voltado para novas formas de “leituras” através de formatos digitais (artistas que não tenham seus livros em formato de áudio e queiram fazê-lo a Cia. Apocalíptica disponibilizará sua estrutura para a adaptação);

–              Podcasts: Entrevistas gravadas e disponibilizadas pelo canal de SpotFy da Cia. Apocalíptica, os temas são: Literatura e Infância; Literatura e movimento Negro; Literatura e Política; Literatura e Feminismo;

–              Feira do livro independente: Voltado para autores que queiram vender/trocar/doar seus livros digitais ou físicos, a feira será realizada em todos os dias do festival nas plataformas da Cia. Apocalíptica;

–              Concurso de Ilustrações: Tendo como premissa que a ilustração é parte fundamental da experiência de leitura realizaremos no nosso instagram um concurso de ilustrações com a temática “A Fresta Apocalíptica” (posteriormente as ilustrações selecionadas poderão compor projetos da companhia);

–              Chamamento Aldir Blanc: Voltado para artistas e coletivos que tenham sido aprovados na Lei Aldir Blanc e que estejam precisando de suporte/estrutura para cumprir as atividades e divulgação, ou mesmo que queiram participar do festival com suas obras (como a Lei Aldir Blanc não permite remuneração duplicada esta modalidade é no formato de permuta);

A curadoria é composta por Kiara Terra e Lawrence Garcia, Diretor da Cia. Apocalíptica. No dia 14 de março, às 15h, será divulgada a lista com todos os selecionados para participar do FrESTA por meio de uma Live no Instagram da Cia Apocalíptica (@cia.apocaliptica). 

“Esta será uma jornada literária, mas podem se inscrever artistas e coletivos de qualquer vertente artística. Uma das novidades é a Feira digital de Livros Independentes, na qual escritores e artistas independentes podem apresentar seus trabalhos e livros, além do público poder interagir disponibilizando livros para a troca e doação”, complementa Lawrence Garcia, diretor da Cia. Apocalíptica.

Ao todo, o festival contará aproximadamente com 50 projetos. Todas as informações sobre o FrESTA estão disponíveis no link www.ciaapocaliptica.com/fresta

Sobre o Festival

O FrESTA – Jornada Literária Apocalíptica é um festival de artes online, não-competitivo, com enfoque, mas não restrito, na literatura, livro e leitura e com inscrições gratuitas e exclusivas para artistas e coletivos rio pretenses, com público alvo diverso, realizado pela Cia. Apocalíptica, com grupos e atividades que prezam e focam suas pesquisas na arte contemporânea.

O Festival pretende evidenciar todo um cenário artístico com coletivos e escritores independentes, apresentando novos títulos, novas maneiras de abordar a literatura e contribuindo de forma cultural com a população, oferecendo atividades formativas, contações de histórias, apresentações artísticas, concurso de ilustrações, programas de podcasts, feira de livro digital, entre outros.

 

SERVIÇO:

INSCRIÇÕES FrESTA – Jornada Literária Apocalíptica

Período de inscrição: de 03 a 10 de março

Inscrições: www.ciaapocaliptica.com/fresta

Realização: Cia. Apocalíptica

Apoio: Lei 14017 – Aldir Blanc do Município de São José do Rio Preto/SP

Compartilhe:

Post Author: blogdasonia