‘Resistência pela liberdade de ser e amar’ é tema da Semana da Diversidade

Compartilhe:

A 12ª Semana da Diversidade de Catanduva começa nesta segunda-feira, dia 11, e estenderá a bandeira “LGBTQIA+ são Resistência: pela liberdade de Ser e Amar”. O tema escolhido é em homenagem aos 50 anos da Revolta de Stonewall, o acontecimento mais importante na luta pelos direitos LGBT no mundo.

A programação, que se estenderá até domingo, dia 17, com a tradicional Parada da Diversidade, é gratuita, fruto de parceria entre a Prefeitura de Catanduva, Conselho Municipal dos Direitos LGBT e Sesc. 

A Cidade Feitiço integra o programa + Orgulho, da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo, que tem como objetivo apoiar ações de visibilidade e valorização da cultura LGBTI+ por todo o interior paulista, por meio da Associação Paulista dos Amigos da Arte (Apaa).

Na segunda-feira, 11, a partir das 8 horas, haverá bate-papo com os legionários na sede do Programa Legião Mirim. Na terça-feira, dia 12, será feita roda de conversa sobre o tema “Da invisibilidade ao empoderamento”, com Carla Mendes, a partir das 19 horas, no Sesc Catanduva.

A Apresentação Esportiva de Vôlei está marcada para as 19 horas da quarta-feira, dia 13. O local escolhido para o evento que será liderado pela jogadora Tiffany Abreu, também é o Sesc. Na quinta-feira, dia 14, haverá o Fórum de Políticas LGBT no Centro Cultural, situado na avenida São Domingos, 880, às 19 horas.

Na sexta-feira, dia 15, das 10h30 às 11h30, no Sesc, haverá Teatro Infantil com a peça “Gulliver – Um Gigante Diferente”,  com a Cia. Teatral Tertúlia. No sábado, dia 16, a atração é a performance musical “Psicorange”, no Centro Cultural.

O encerramento da programação é um dos momentos mais esperados, com a 12ª Parada da Diversidade, que sairá às ruas no domingo. A concentração está marcada para as 14 horas, em frente à Prefeitura. Para a programação artística, os organizadores receberam R$ 2 mil em recursos do Governo do Estado.

“O trio elétrico segue pela avenida São Domingos até o Recinto de Exposições, onde acontece a apoteose. Muitos artistas participam desta manifestação, tais como Dafiny Mullers, Bruna Verona, Ana Júlia Mello, Lara Mullers, Victor Huggo, Lucca Lourenço com música e apresentações, além dos DJs Ana Chili’s, Paulinho, Rodrigo Mabel, Fernando Aguilar, Viviane Vipper, Ricardinho e a atração principal, Paulo Pringles”, detalha Letícia Monteiro Martins, integrante da Comissão de Organização da Parada (COP). A Miss Gay Brasil Universo Lorelai Mullers, também é presença confirmada.

Além de Letícia, Rafael Abrão, Carla Mendes e Luciana Rodas integram a organização, que tem apoio de grupos do movimento LGBT da cidade.

Compartilhe:

Post Author: blogdasonia